PESQUISAR INTERNET (OUTRA PÁGINAS).

sexta-feira, 10 de abril de 2015

Polícia mata suspeito de estupro no Vitória Régia, CIC.

Ele estava armado e reagiu à abordagem policial: - Levou a pior! Depois de conseguir fugir de um estuprador, uma mulher de aproximadamente 30 anos pediu socorro à vizinhança da Vila Vitória Régia, na Cidade Industrial. Segundo a Polícia Militar, quando a equipe chegou ao sobrado onde estaria o suspeito, foi recebida a tiros. No revide, Joélio Antonio de Faria, 35 anos, foi baleado e não resistiu aos ferimentos. Um morador, que preferiu não se identificar, disse que a vítima estava muito machucada e pediu por ajuda quando conseguiu se desvencilhar do agressor. Ela foi atendida pelos socorristas do Siate e encaminhada ao Hospital de Clínicas. Conforme o tenente Emerson, do 23o Batalhão da PM, ela falou pouco com os policiais, pois estava extremamente abalada. O suspeito de violentar sexualmente a mulher estaria em um sobrado de esquina, na Rua Inácio Wolski. Os policiais pularam o muro da casa e foram recebidos a tiros, de acordo com o tenente. O perito do Instituto de Criminalística, Edmar Cunico, confirmou que um tiro partiu de dentro para fora da casa. Joélio levou um tiro no braço, que atingiu o peito, matando-o na hora. A esposa de Joélio estava no local do confronto, ainda sem saber que era ele quem tinha morrido. Ela disse que o marido trabalhava com transportes e que os dois moravam no sobrado há cerca de dois meses. No entanto, o tenente disse que a casa estava sem energia elétrica e a caixa d'água não estava funcionando. Alguns vizinhos comentaram que a casa era um ponto de tráfico de drogas, mas a informação não foi confirmada pela polícia. SE GOSTOU, COMPARTILHE POR FAVOR!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário...